sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Cabedelo foi marreta para o “Marreta”

in revista Domingo, Correio da Manhã
Não é fácil falar do atleta mais power do panorama nacional.
- Falo do atleta que possui os melhores aéreos do país.
- Falo do atleta que provavelmente bate nos lips mais power da Praia do Norte.
- Falo do atleta que vai para além daquilo que nós dizemos que não acreditamos ver, mas estamos à espera de ver.
 -Falo de Fábio “Marreta” Laureano.
Na 2ª etapa do Nacional de Bodyboard, realizado na Figueira da Foz, o Cabedelo foi marreta para o Marreta. Aqui, no Cabedelo, normalmente é o Marreta que apanha as melhores ondas.
A química que este atleta nutre com as direitas do Cabedelo é impressionante - se é boa onda é do Marreta .
No Figueira Bodyboard Pro 2011, infelizmente não foi assim. A sorte não esteve do lado dele.
Quando saiu da água disse: “ fogo, em casa nunca tenho sorte” disse o Marreta visivelmente aborrecido com sua prestação.
Sorte? Ok, percebo-te! Ora pois bem, sorte têm aqueles que gozam do privilégio de te ver surfar diariamente.
Pode parecer ofensiva é dita na gíria, mas assenta que nem uma luva neste atleta: “Marreta” és um cavalo pá!..

Sem comentários:

Enviar um comentário

Entrevista - Hoje no Figueira na Hora

Pedro Agostinho Cruz   é fotógrafo profissional. O fotojornalista divide o seu tempo com outras actividades comerciais, com particular dest...